Seguir por Email

segunda-feira, 1 de julho de 2013

O QUE MUDOU COM O MUDA (4)



(4) MUDOU a despesa com grandes espectáculos.
Em 2013, o “Festival Terras do Endovélico” vai ter apenas um espectáculo, do fadista Camané. Este espectáculo vai custar 18.800 euros (+IVA) e conta com um financiamento directo de 12.000 euros da Rede Terras do Sol (fundos comunitários).
Em 2009, só para a “Expo Guadiana”, a câmara gastou 214.000 euros (+IVA) em espectáculos (Deolinda, 13.200 euros; Luís Represas, 30.000 euros; Ana Moura, 12.600 euros; Pablo Milanés 40.300 euros; Spirit of Pink Floyd 30.000 euros; palco especial, 89.900 euros). Todos estes espectáculos contribuiram para o aumento da dívida, já que os valores em causa saíram totalmente do orçamento da câmara e não tiveram qualquer tipo de financiamento.

Valeu a pena MUDAR!
Vale a pena continuar a MUDANÇA!



Sem comentários: