Seguir por Email

terça-feira, 11 de janeiro de 2011

COMUNICADO DA AUTARQUIA

A Vice-Presidente da Câmara Municipal de Alandroal anunciou na Reunião de Câmara do passado dia 27 de Dezembro que, por questões profissionais que não pode neste momento contornar, a partir do próximo dia 1 de Janeiro de 2011 deixará de exercer as suas funções como vereadora a tempo inteiro, na Câmara Municipal de Alandroal.
Esta situação, embora fosse previsível a longo prazo, surgiu como inesperada neste momento. Depois de quase 30 anos de dedicação à saúde e à população do concelho de Alandroal, a nomeação da Dra. Fátima Ferreira como Chefe de Serviços da Carreira de Clínica Geral, para além de mérito próprio, deverá constituir também um orgulho para todos os Alandroalenses.
Acreditamos que desempenhará as suas novas funções com a dedicação, compromisso e espírito de entrega que sempre dedicou a esta Câmara Municipal desde o dia da sua tomada de posse, em 02 de Novembro de 2009 e fazemos votos das maiores felicidades e sucesso profissional neste novo desafio. Sabemos também que o concelho de Alandroal, e a Autarquia em particular, poderão continuar a contar com o seu apoio e dinamismo para o desenvolvimento de novos projectos nas áreas da Saúde e Acção Social.
Por mútuo acordo com o Presidente da Câmara Municipal de Alandroal, João Grilo, e com o apoio incondicional do Movimento Unidade e Desenvolvimento do concelho de Alandroal (MUDA) que venceu as eleições autárquicas de 11 de Outubro de 2009, a Dr.ª Fátima Ferreira permanecerá na Câmara Municipal de Alandroal, em regime não presencial, por um período de aproximadamente 3 meses, de forma a concluir o trabalho de base que tem vindo a desenvolver ao longo de mais de um ano nas áreas da Saúde e Acção Social e permitir uma transição harmoniosa para o próximo responsável, conforme o compromisso eleitoral assumido com os munícipes do concelho de Alandroal.
Durante este período o Presidente da Câmara acumula os restantes pelouros que estavam a cargo da Senhora Vice-Presidente (Habitação, Educação e Ciência, Formação Profissional, Transportes Escolares e Municipais, Feiras e Mercados, Canil e Serviços Veterinários) situação apenas possível pelo curto espaço de tempo envolvido e pelos motivos expostos.

3 comentários:

Anónimo disse...

Sempre ouvi dizer "por morrer uma andorinha não acaba a Primavera!"
Continuem sérios como até aqui!!!

Anónimo disse...

A seriedade começa na publicação de "TODOS" os comentários, desde que não utilizem palavras menos próprias, e acusações daquelas consideradas muito graves, tais como, INDÍCIOS de corrupção.
Ou será que o MUDA está acima destes indícios? Se assim for, que o demonstre.
Não basta ser CÉSAR tem de parecer CÉSAR!

ASS: MUDA, mas sem palas

Anónimo disse...

Quem é que foi acusado pelo ministério público, depois de investigações levadas a cabo pela polícia judiciária, dos crimes de corrupção e peculato?
Foi o Muda??
Quem é que está a braços com um processo na justiça por esbanjamento de dinheiros públicos e tráfico de influências, lesando gravemente o estado portugûes, e por conseguinte os contibuintes???
Se acaso tem alguns indícios fundamentados de má gestão da câmara a cargo do movimento Muda, deverá apresentar queixa nas instâncias competentes por dever de cidadania!

Socialista