Seguir por Email

sexta-feira, 3 de fevereiro de 2012

NOTÍCIAS CMA



Alandroal: Apoio Social é Prioridade da Autarquia

A Câmara Municipal de Alandroal aprovou a atribuição de 45 bolsas de estudo para o ensino superior e 23 apoios enquadrados pelo recém-criado “Regulamento de Apoio aos Estratos Sociais
Desfavorecidos do Concelho de Alandroal”, num claro esforço para apoiar aqueles que mais precisam.

O objectivo do Programa de Apoio Estratos Sociais Desfavorecidos no Concelho de Alandroal passa por dar respostas, imediatas, a problemas que afectem os Munícipes, em casos de comprovada carência económica e social, concedendo benefícios em áreas de intervenção relacionadas com as necessidades básicas de vida. A Atribuição de “Vales de Compras Alimentares”, para aquisição de carne, peixe, fruta ou legumes ou a atribuição de uma verba de 45€ mensais para o apoio ao arrendamento são exemplos de medidas previstas neste regulamento. Na última reunião de Câmara foram aprovados 16 apoios à alimentação, através de “Vales de Compras Alimentares”, e 7 apoios ao arrendamento.

Além de pretenderem inverter ou minimizar as dificuldades financeiras de algumas famílias do concelho, estas medidas têm ainda como objectivo promover o equilíbrio e coesão da população,
permitindo assim um desenvolvimento mais justo e equilibrado.

Como é sabido, a crise económica e financeira que afecta Portugal, e por consequência também o nosso concelho, tem deteriorado as condições de vida das famílias. Nesse sentido, e apesar da sua
débil situação financeira, a Câmara Municipal de Alandroal tem feito, ao longo dos últimos meses, um acentuado esforço para poder apoiar aqueles que mais precisam. A criação de 4 regulamentos de apoio social, entre eles o Regulamento de Apoio aos Estratos Sociais Desfavorecidos do Concelho de Alandroal, são um claro exemplo desse esforço.

O Município de Alandroal continua também a apoiar os estudos a jovens cujas possibilidades económicas não lhes permitam fazê-lo apenas pelos seus próprios meios e, por isso mesmo, aprovou este ano um total de 45 bolsas de estudo, num investimento superior a 30 mil euros.
Fonte: Gabinete de Imprensa CMA

Sem comentários: