Seguir por Email

terça-feira, 3 de maio de 2011

MUDA DÁ LIBERDADE!


À semelhança do que aconteceu por altura das eleições presidenciais, lembramos que o Movimento Unidade e Desenvolvimento de Alandroal (MUDA) foi criado para constituir uma resposta válida e credível aos problemas e desafios que o concelho enfrenta.
Lembramos ainda que o âmbito do movimento é LOCAL, e é nesse âmbito que foi validado pelo voto dos eleitores e que se tem vindo a afirmar como a tendência que mais facilmente coloca os interesses do concelho acima de todos os outros, congregando um conjunto de pessoas e vontades que melhor resposta podem dar aos desafios que o concelho enfrenta. Sendo certo que todos aqueles que partilhem destes princípios têm no movimento um espaço para o demonstrarem a qualquer momento. Todos são bem-vindos quando se trata de arregaçar as mangas para lutar pelo concelho.
O Movimento foi criado fazendo assentar os seus princípios na pluralidade de opções e tendências, e acolheu de braços abertos apoiantes de todos os quadrantes políticos ou sem opção partidária.
Neste contexto, não faria sentido que este movimento tomasse uma posição pública de apoio a um candidato em particular nas próximas eleições presidenciais.
Assim, deixamos claro que:
1) O MUDA NÃO APOIA QUALQUER PARTIDO POLÍTICO NAS ELEIÇÕES LEGISLATIVAS DE 5 DE JUNHO.
2) Os apoiantes do movimento devem sentir-se TOTALMENTE LIVRES PARA APOIAR O PARTIDO COM QUE MAIS SE IDENTIFIQUEM.
3) NENHUMA POSIÇÃO PÚBLICA DE QUALQUER APOIANTE OU DIRIGENTE VINCULA O MOVIMENTO de qualquer forma.

Enquanto Movimento, contamos trabalhar da melhor maneira possível com todos os partidos na afirmação dos interesses do concelho.

2 comentários:

Anónimo disse...

"NENHUMA POSIÇÃO PÚBLICA DE QUALQUER APOIANTE OU DIRIGENTE VINCULA O MOVIMENTO de qualquer forma."

-Excepto a do Presidente do movimento, que nunca deveria ter sido tomada em publico.
-Os eleitores do movimento tem uma liberdade que o PRESIDENTE NÃO TEM.
-Foí uma enorme falta de respeito pelo eleitorado que o elegeu, e no día 5 de junho veremos se assim foí ou não?

PS: continuo a não perceber porque é que o blogue só publica comentários favoraveis ao executivo? voltamos á ditadura?

Anónimo disse...

Não voltámos à ditadura, tu é que te conservaste nela. A prová-lo está o teu comentário que não respeita a liberdade individual de cada um. Apesar disso o blogue publicou o teu comentário... afinal quem é o ditador?